15 outubro 2009

Cidade...

"... Já são 7 da manhã e outro dia começando,
pés no chão, mão na cabeça, sem camisa eu reflito...
sentado no colchão esperando um tempo pro sangue descer pro corpo...
levanto, caminho, água, rosto, escova, pasta, água, ralo...
dou um beijo na mulher que me amará por toda vida, e antes de sair ela diz:

-Vai com Deus filho, bom trabalho...

...DEUS...
tenho minhas diferenças com ele, eu no meu canto ele no dele,
eu não acredito nele, ele menos ainda em mim...
por mim sem problema... ta tudo normal assim...

Acendo um bastonete do vício maldito que me enche os pulmões
solto a fumaça andando largado, com olhos cerrados e o vento frio....
a cidade nada mais é que isso...
céu cinza, concreto, aço, e lixo...
uma selva na verdade...

A maldade condena a cidade...
porém faz com que ela se mantenha de pé...
ou você acha mesmo que o bem é mais forte que o mal?
Abre o olho... olhe em volta...
numa guerra entre céu e inferno não há chance para os celestiais...

a maldade não tem regras, nela vale tudo e nada tem valor...
Escrúpulos, leis, morais... é tudo transformado em cinzas...
...

a cidade se alimenta disso...
com seu céu cinza, sua garoa cortante, seu lixo ....

pensando nisso dou mais um trago... olho pra cima e abro um leve sorriso...
solto a fumaça e reflito... a cidade se alimenta disso...
e nós nos alimentamos da cidade...

e adoramos isso tudo..."


"Põe a culpa no governo
que não governa nada
num ta nem pro mal nem pro bem
ia governar como?
se aqui ninguém ouve ninguém !?"

8 comentários:

Bola de lã. disse...

Sempre me incomodou a maneira que escrevia nos primeiros posts, mas com o tempo vc desenvolveu, ou só colocou para fora uma capacidade incrível de falar as coisas de outras maneiras e de escrever textos maravilhosos. Estou orgulhosa da minha bolinha de pelo.

amanda disse...

WoooooW! \o/
Sensacional cara... Adorei!

Smaley disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Smaley disse...

A cidade tem 1001 coisas boas
De ver
De se ter
De sentir
De comprar
De vender
Porque a cidade tem vida mas nunca ousou te dizer
Você não vive na cidade ela que vive em você

eutenhoproblemas disse...

O louco é que a gente é essa cidade. Mesmo quando a gente sai daqui a gente leva o cinza, o concreto, a maldade.
O que não quer dizer que a gente seja ruim, só que a gente é tão cidade quanto a cidade é a gente.
Muito louco.

Max disse...

amo muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito tudo isso!

eu sou feito dessas cinzas, adoro essa garoa que me refresca e me alivia a cabeça quente... mas o lixo ah sim esse sim... vivo por ele! e realmete me alimento dele!
nada mais instigante que o fétido cheirinho da cidade!

trago... penso... expiro...

até mais tarde

Pri Melo disse...

E não há tranquilidade que substitua ou que nos encante mais que a cidade grande!
Mesmo com toda a poluição, o cinza e a chuva!
Por isso não sobrevivo muitos dias numa cidadezinha do interior!
Nada como uma cidade que não para nunca!

;)

panda disse...

nossa heim vc tah bem loko nesse post!!!
haiuahaiuhaiuhaiuh
zuera fiko muitu loko
abraços mlk!!!!